Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Gelados caseiros

29.04.15

O tempo não se decide. Está esquizofrénico e troca-nos as voltas. Reza a lenda que se pensarmos muito numa coisa que queremos, ela acaba por acontecer. E se ao mesmo tempo fizermos uma receitinha a saber a Verão e a calor, será que ele chega ainda mais depressa? Neste caso não custa mesmo nada tentar! Gelados caseiros, saudáveis e ainda por cima giros para xuxu. É, basicamente, tudo o que faz falta... para animar a malta! E já agora bom tempo!

FullSizeRender_2 (2).jpg

FullSizeRender (2).jpg

 fotos by me

Ingredientes: (para 6 gelados)
1 laranja
1 morango
1 iogurte natural (líquido de preferência)
1/2 Kiwi
açúcar (opcional)

Modo de preparação: Deite em três das formas de gelados rodelas de morango e cubra com o sumo de laranja. Nos outros três, coloque rodelas de kiwi e deite o iogurte (se preferir com açúcar). Leve ao congelador por umas duas horas. Lambuze-se!

Autoria e outros dados (tags, etc)

Não há sopa como a da minha mãe! Nunca enquanto vivi com os meus pais fiz uma sopa. Quando saí de casa pedi uma receita base à minha mãe e confesso-vos: foram tantas as sopas intragáveis que sairam das minhas mãos que quase desisti. Até ao dia em que lhe apanhei o jeito. Agora invento, faço, como e até repito de tão saborosa que elas ficam, como foi, aliás, o caso desta. Ainda assim, não há sopa como a da minha mãe. Ou não fosse a minha a melhor cozinheira do mundo e uma super-mãe!
 

FullSizeRender_2 (3).jpg

FullSizeRender_3.jpg

 fotos by me

Tempo: cerca de 40 minutos
Ingredientes:
1 nabo
1 batata doce
2 batatas pequeninas
1 courgette
4 cenouras
1/3 alho francês
2 cabeças de alho
1 cebola
azeite, sal e água
coentros, sementes de girassol e lascas de coco
 
Modo de preparação:
Descasque e corte os legumes. Leve uma panela ao lume com um fio generoso de azeite e deite a cebola e os alhos. Depois de refogados, coloque os restantes legumes e tempere com sal. Mexa uns minutos e cubra com água. Deixe ferver até estarem cozidos e triture tudo com a varinha mágica. Verifique o sal e sirva com coentros picados e sementes de girassol ou lascas de coco. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bolo de amendoim

28.04.15

Os amendoins fazem bem ao coração, melhoram a memória, são bons para a pele e ajudam a diminuir o stress. Querem mais razões para fazerem este bolinho? Ok! Então aqui vai. É uma receita muito simples e o resultado é um bolo fofinho, húmido, saboroso e cheio de aroma. Consegui convencer-vos?

FullSizeRender_2.jpg

FullSizeRender_3.jpg

 fotos by me

Tempo: cerca de 50 minutos

Ingredientes:

2 chávenas de chá de açúcar

3 colheres de sopa de margarina

4 ovos inteiros

1 chávena de chá de amendoins moídos

3 chávenas de chá de farinha

1+1/2 chávena de chá de leite

2 colheres de sopa de fermento

 

Modo de preparação:

Bata com a batedeira a margarina com o açúcar até ficar cremoso. Acrescente os ovos um a um e continua a mexer. Junte os amendoins, a farinha alternada com o leite e por último o fermento. Depois de tudo bem envolvido, unte uma forma e leve a forno médio, pré aquecido, à volta de 40 minutos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Palavras para quê?!? Há lanches que são autênticos pitéus e exigem tanto de nós como o simples abrir de uma lata de conserva!!

image.jpg

Ingredientes:

1 lata de sardinha em tomate picante

pão

cebola às rodelas e salsa;

Modo de preparação: Torre o pão (se for do dia e preferir coma-o sem torrar). Deite a cebola, a sardinha e o respectivo molho e a salsa. Sirva com 'uma' geladinha.

.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Empada XL

22.04.15
Os dias estão maiores e começa a chegar a vontade de ir passear depois do jantar. Por isso, não há tempo perder na cozinha. O truque é ter sempre no frigorífico massa quebrada ou folhada. Num ápice temos uma refeição simples, saborosa e "Oh pah, tão linda! Oh pah!"

fotografia 2.JPG foto by me

Tempo: 50 minutos
Ingredientes:

2 embalagens de massa quebrada

1 peito de frango cozido (em água e sal)
1 taça de sobremesa com ervilhas cozidas (em água e sal)
1/2 cebola
1/2 cenoura ralada
1 dente de alho
1 folha de louro
2 colheres de sopa de polpa de tomate
azeite, alho, pimenta, 
1 gema
 
Modo de preparação:
Forre uma forma de tarte com uma das massas. Reserve. Deite o azeite numa frigideira ou tacho e quando estiver quente junte a cebola e o alho picadinhos, a folha de louro, a cenoura ralada e deixe cozinhar. Junte o frango desfiado e envolva. Retire a folha de louro e adicione 2 colheres de sopa de polpa de tomate, o sal e a pimenta. Mexa e uns minutos e depois regue com o vinho branco. Rectifique os temperos e deixe apurar cerca de 10 minutos. Deite as ervilhas, envolva e retire. Coloque o recheio na tarteira e tape com a segunda massa quebrada, dobrando as pontas. Pincele com uma gema de ovo e leve ao forno, pré-aquecido, durante cerca de 25 minutos. Retire e sirva com arroz e salada.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Adoro risotto, mas só o faço se estou com tempo e paciência. Todas as receitas saem melhor quando lhes damos amor, mas este é mesmo um prato mimado, que não resiste à falta de carinho e atenção. O que, em linguagem gastronómica significa: não-saias-do-fogão-nem-deixes-de-mexer-ou-ficas-sem-jantar! 
P.S.: A dose pequenina servida no prato que se segue, foi de inteira responsabilidade da fotografia. Logo a seguir, repeti!
 

IMG_0348.JPG

 foto by me

Tempo: cerca de 40 minutos
Ingredientes: (rendeu três porções)
1 +1/2 copo pequeno de arroz para risotto
6 cogumelos frescos
8 espargos
1/2 cebola
2 dentes de alho
azeite, vinho branco, água, sal, pimenta, manteiga e queijo parmesão ralado q.b

Modo de preparação:

Corte a base dos espargos, pele-os e deite-os numa panela com água a ferver durante 5 minutos. Retire e corte os talos dos espargos, reservando as pontas, assim como a água da cozedura. Numa outra caçarola com azeite, aloure a cebola e o alho picadinhos. Junte os cogumelos laminados e depois de salteados adicione o arroz e mexa. Junte uma pitada de sal e assim que o arroz ficar transparente adicione o vinho branco. Quando evaporar, deite um pouco do caldo da cozedura dos espargos e vá mexendo sempre. Repita o processo até o arroz ficar cozido. (uns 20 minutos). Junte depois a manteiga e o queijo e envolva tudo. Rectifique os temperos e finalize já no prato coma  pimenta e as pontas dos espargos. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Se há coisa que vale a pena ter em casa congelado (e já demolhado) é bacalhau desfiado. Sabem aqueles dias em que chegamos tarde, sem saber o que fazer e sem paciência para grandes cozinhados? Dá nisto. Um bacalhau à brás e companhia limitada!!

22.jpg

 foto by me

Tempo: 30 minutos

Ingredientes:

250 g bacalhau desfiado
1/4 alho francês
5 cogumelos frescos (ou uma taça de cogumelos enlatados)
1/2 cebola
1 dente de alho
1 pacote de batata palha pequeno
3 ovos

azeite, sal, piri-piri, colorau e salsa q.b.

 

Modo de preparação:

Cubra o fundo de um tachinho com azeite, leve ao lume e deite a cebola e o alho picadinhos. Acrescente o bacalhau, o alho francês cortado às rodelas e os cogumelos laminados. Tempere com sal (cuidado porque o bacalhau já é salgado), piri-piri e mexa. Junte a batata palha e misture bem. À parte, bata os ovos com uma pitada de sal e adicione ao preparado. Mexa com cuidado - e em lume baixo - e retire quando estiver tudo envolvido. Polvilhe com salsa e sirva com salada de tomate.

Autoria e outros dados (tags, etc)

O Mac and Cheese é um clássico da comfort food americana que faz as delícias aqui da portuguesinha. Uma receita básica de macarronete (optei por usar antes cotovelos) com molho e cobertura de queijo, levada depois ao forno para gratinar. As combinações possíveis ficam ao seu gosto, mas deixo desde já o aviso: este é daqueles pratos gulosos que não conseguimos comer sem repetir.

fotografia 1.JPG

fotografia 4.JPGfotos by me

Tempo: 35/40 minutos
Ingredientes:
500 gramas massa cotovelos
5 cogumelos frescos ou 1 lata de cogumelos laminados
7/8 fatias de fiambre (opcional)
1 taça de sobremesa com azeitonas sem caroços
1 cebola
2 tomates
2 colheres sopa de polpa de tomate
1 dente de alho
sal, pimenta, azeite, colorau, orégãos e manjericão q.b.
1 pacote de natas
queijo ralado a gosto

Modo de preparação:
Leve uma panela ao lume com uma pitada de sal e um fio de azeite. Quando começar a ferver, deite a massa e deixe cozer uns cinco minutos. Escorra a água e reserve.
Faça, entretanto, um refogado. Numa frigideira, deite o azeite, a cebola picadinha, o alho, os tomates (guarde três rodelas de tomate para o final) e a polpa. Tempere com sal, pimenta, colorau e orégãos, mexa e retire. Deite numa travessa o molho de tomate e aguarde.
Numa panela com um fio de azeite, leve os cogumelos a saltear. Junte o fiambre cortado em quadradinhos e as azeitonas também cortadas. Mexa e junte a massa ao refogado. Misture e adicione as natas e o queijo ralado. Rectifique os temperos e deite o preparado por cima do molho de tomate que tinha reservado já na travessa. Cubra com mais queijo ralado, três rodelas de tomate e orégãos. Leve ao forno a gratinar, retire quando estiver dourado e decore com umas folhas de manjericão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Esta é daquelas épocas em que a gula é convidada a entrar e os doces têm permissão para acenar-nos no final do almoço em família. E como se do início de uma conquista se tratasse, nós sorrimos e deixamo-nos levar. Sem culpas, nem ressentimentos. O prazer manda, a pessoa obedece.
Mesmo sem grande mão para sobremesas, "atrevi-me" e fiz um bolo de bolacha. Ou melhor, um mini-micro-bolo de bolacha. De típico da Páscoa nada tem (a não ser a decoração com ovinhos de chocolate), mas este era o bolo preferido do meu pai (que este ano celebraria o seu aniversário na Sexta-feira Santa) e só a minha irmã é que costumava fazê-lo. Mana, acho que, finalmente, tens concorrência. Pai, onde quer que estejas... Parabéns! 
 

3.jpg

 foto by me

Tempo: cerca de 35 minutos
Ingredientes:
1 +1/2 pacote de bolacha Maria
100 gramas de manteiga
100 gramas de açúcar refinado
2 gemas de ovo
café açucarado e bolacha ralada q.b. para decorar

Modo de preparação:
Bata a manteiga até ficar em creme e vá juntando o açúcar aos poucos. Adicione as gemas, uma de cada vez e mexa até ficar homogéneo. Entretanto, passe as bolachas pelo café e vá disponho num prato (se quiser o bolo maior, aumente as quantidades dos ingredientes, coloque uma bolacha no centro e seis à volta da mesma e vá formando o bolo). Barre as bolachas com o creme e faça camadas até terminarem as bolachas. Cubra o bolo com o restante creme e decore com a bolacha ralada. Leve ao frigorífico para ficar fresco e sirva com ovinhos ou amêndoas de chocolate.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


mais sobre mim

foto do autor



Instagram



Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D